Artigos

EAD: Muito além da flexibilidade

EADMuitoalemdaflexibilidade-20150830111733.jpg

 
 
28/08/2015 - Ensino a distância supera preconceitos e conquista alunos

É fato que o ensino na modalidade a distância, conhecido como cursos EAD, conquistam mais e mais adeptos. De acordo com o Ministério da Educação, em estudo de 2013, o número de universitários em cursos nesse segmento, aumentou 16,2%, em relação a 2011, com um total de 1,1 milhão de matriculados. Hoje, a Anhanguera Educacional conta com 150 mil alunos EAD, em 27 cursos de graduação, e estúdios próprios para a gravação das aulas em Valinhos, Londrina e Campo Grande.

Todos sabem que o grande diferencial dos cursos nessa modalidade é a possibilidade do estudante escolher quando assistirá às aulas, sendo o formato mais flexível para quem tem um dia a dia corrido. Além disso, também proporciona maior autonomia no processo de estudar e socializar conhecimentos, se tornando um profissional mais independente, que sabe gerenciar seu tempo e ter iniciativas.

Contudo, o esforço dos acadêmicos nem sempre é colocado em evidência, destacando o mérito e sucesso desses cursos. “No começo eu achei que não daria certo, que não conseguiria. Mas, disse para mim mesma que iria tentar e se eu estudasse nas horas vagas, eu conseguiria”, diz Ana Lúcia, aluna do curso de Pedagogia EAD da Faculdade Anhanguera de Brasília – Pistão Sul.

O caso da estudante não é único. Para o diretor da Anhanguera de Brasília, professor Leandro Cerutti, mais da metade dos alunos possuem uma rotina agitada como a de Ana Lúcia. “É comum sermos procurados pelos alunos devido às dificuldades que encontram no decorrer do curso. O cotidiano movimentado faz com que muitos desistam de cursar o ensino superior tradicional, aulas pre senciais todos os dias da semana. Por esse motivo, o curso EAD é a melhor opção”, afirma.

No passado, os cursos EAD eram vistos com muita desconfiança. Atualmente, os alunos oriundos desse modelo estão chegando ao mercado de trabalho mais preparados do que os estudantes dos cursos presenciais, desenvolvendo outras habilidades fortemente, como a responsabilidade e comprometimento. “Até os meus filhos me ajudam com as atividades. Para ser sincera, eu aprendi mais do que se eu estivesse em sala de aula todos os dias”, conclui Ana Lúcia.

Sobre a Anhanguera Educacional

A Anhanguera já transformou a vida de mais de um milhão de alunos e, há mais de 20 anos, ajuda a mudar o futuro do nosso país. Alinhada à nova fase de desenvolvimento do Brasil, a instituição oferece conveniência e conteúdo compatível com o mercado de trabalho em seus cursos de graduação, pós-graduação, extensão e ensino técnico, contribuindo com o projeto de vida de crescimento e ascensão profissional dos alunos.

A Anhanguera está presente em todos os estados brasileiros, com 70 campi e mais de 500 unidades de educação a distância. A instituição mantém mais de 1.100 projetos de responsabilidade social e, em 2013, realizou mais de 1,6 milhão de atendimentos gratuitos à comunidade com apoio de professores, alunos e voluntários.

Com um índice de 94% dos cursos com conceito positivos no Ministério da Educação (MEC), a Anhanguera conta com 337 cursos estrelados pelo Guia do Estudante (edição 2015). Também é a marca mais valiosa do setor de educação no país, segundo o ranking BrandZ Top 50, divulgado anualmente pela Millward Brown.

Em 2014, passou a integrar o grupo Kroton, empresa brasileira com quase 50 anos de tradição que se tornou referência mundial no setor da educação pelo valor de mercado e pela quantidade de alunos. A Kroton é responsável por prover educação de qualidade a mais de um milhão de estudantes em 550 cidades por todo o Brasil. Inovadora e líder no desenvolvimento e aplicação de tecnologias educacionais, estimula a realização de projetos com impactos sociais, ambientais e econômicos, seja no âmbito corporativo ou educacional.

O padrão de governança corporativa da companhia permite o desenvolvimento de processos que colaboram com a tomada de decisão ágil, dinâmica, responsável e sustentável.

Fonte/Autoria.: Alfapress Comunicações
Fonte: segs.com.br