Artigos

Mantenha sua motivação profissional


 
 
12/06/2015 - Confira 5 dicas que podem te ensinar a ser um funcionário melhor sucedido

Fonte: Shutterstock

O trabalho remunerado é uma atividade essencial, já que para viver em sociedade pressupõe-se que você tenha uma renda fixa, utilizada para o pagamento de todas as despesas pessoais e familiares. Além disso, o cargo, muitas vezes, é um reflexo de status e, por isso, as pessoas buscam cada vez mais posições importantes.

No entanto, nem sempre as funções exercidas se enquadram no perfil do funcionário. Isso faz com que ele se sinta desmotivado a continuar se dedicando para ta l empresa ou cargo. Por mais que o trabalho tenha desvantagens, busque sempre as melhores maneiras de continuar acreditando no que você faz.

A seguir, confira 5 dicas para continuar motivado em relação ao seu emprego atual:

1- Determine metas
Geralmente, os profissionais se sentem mais motivados ao realizarem atividades que não se identificam tanto em prol de uma causa maior. Assim, estabeleça quais os seus objetivos profissionais e encontre estratégias para alcançá-los. Você perceberá que será mais fácil se dedicar ao trabalho com focos em mente.
Nos momentos em que você se sentir mais desmotivado, lembre-se dos motivos que o fizeram continuar na empresa atual. Provavelmente você trabalhará melhor se focar nas suas razões pessoais, necessárias para impulsionar seus atos profissionais.

2- Crie um sistema de recompensas
Para que você consiga cumprir todas as tarefas diárias, estabeleça metas e os respectivos “prêmios” que ganhará quando as concluir. Assim, você se organizará melhor e ainda se motivará mais, visando à recompensa que escolheu. Por exemplo, você só irá tomar um café quando terminar de escrever o texto que seu chefe pediu.

3- Divirta-se
Mesmo que você esteja em um ambiente profissional, precisa encontrar diversão dentro dele. Os momentos agradáveis impulsionam a realização das tarefas mais rapidamente, além de fazer com que você possivelmente entregue um trabalho melhor do que se estivesse entediado.
Uma boa ideia é realizar as atividades que você não gosta com alguma boa companhia. Vocês não precisam fazer as mesmas coisas, mas somente o fato de estarem próximos pode ser um impulsionador para que você se sinta mais motivado.

4- Controle apenas aquilo que está ao seu alcance
Algumas situações profissionais desagradáveis não podem ser resolvidas por você, porque estão inseridas no universo de outros funcionários. Assim, invista sua energia nas áreas que sabe que pode conseguir alterar, já que depositá-la naquelas “impossíveis” seria um desperdício de tempo.
Por exemplo, se você fizer um relatório detalhado sobre as vendas da empresa no mês, precisa ter em mente que seu chefe pode não ficar satisfeito com o trabalho. Ou seja, você deve dedicar o seu melhor para construir o texto, mas não pode controlar a reação de quem irá lê-lo.

5- Pense nos imprevistos
Em diversas situações você terá que enfrentar problemas que podem desestabilizar completamente o seu trabalho. No entanto, não deixe que isso o desanime! Para evitar que os imprevistos causem grandes estresses e diminuam sua vontade de trabalhar, tenha sempre uma segunda estratégia de ação para adotar se a primeira falhar. Assim, você já saberá como contornar o problema e, consequentemente, continuará determinado p ara exercer sua função e alcançar seus objetivos.
Fonte: Universia Brasil