MEC lança documento de orientação para definição da oferta de Educação Profissional e Tecnológica

A segunda edição da cartilha também se apresenta como uma ferramenta para mapeamento de demanda por qualificação profissional

O Ministério da Educação (MEC) lança, hoje (8), a Cartilha de Orientações às Redes Ofertantes de Educação Profissional e Tecnológica. O documento, que está na sua segunda edição, objetiva orientar gestores e demais atores da Educação Profissional e Tecnológica acerca do uso de dados e informações para a compreensão de suas realidades socioeconômicas, auxiliando também no mapeamento de demandas por qualificação profissional.

A cartilha sistematiza um conjunto de ferramentas e fontes de informação, como painéis de dados, pesquisas e estudos temáticos, com foco na construção de ofertas alinhadas às demandas locais. O documento é uma ação da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de Minas Gerais e apresenta também um conjunto de boas práticas, com experiências que combinam aspectos que devem ser considerados no desenho das ofertas de Educação Profissional e Tecnológica.

A proposta da cartilha surgiu para complementar os resultados do Mapa de Demandas por Educação Profissional, que busca promover uma oferta de cursos de Educação Profissional e Tecnológica mais alinhada com a demanda dos setores econômicos em cada uma das mesorregiões do país. As ferramentas e boas práticas da Cartilha acrescentam perspectivas importantes para a definição de ofertas como as características socioeconômicas do público-alvo, mecanismos de escuta com instituições locais e informações sobre investimento que podem orientar a tomada de decisão.

Estruturação

A cartilha está estruturada em duas partes, a primeira está organizada por temas que abordam o mercado formal, as informações socioeconômicas e a oferta de Educação Profissional e Tecnológica, além disso, também traz conteúdo sobre investimentos previstos em uma determinada região. A segunda parte apresenta boas práticas em oferta de cursos Educação Profissional e Tecnológica, mapeadas no processo de repactuação dos saldos do Bolsa-Formação, na atualização do Mapa de Demandas por Educação Profissional e no Ciclo de Boas Práticas em Ofertas de Educação Profissional e Tecnológica, evento on-line realizado pelo MEC no último ano.

Para acessar a Cartilha de Orientações às Redes Ofertantes de Educação Profissional e Tecnológica, clique aqui.

Saiba mais em:

https://www.gov.br/mec/pt-br/assuntos/noticias/mec-lanca-documento-de-orientacao-para-definicao-da-oferta-de-educacao-profissional-e-tecnologica